Rede municipal volta às aulas com novidades

  Data da Publicação: 06/02/2020
Rede municipal volta às aulas com novidades

* Prefeito Beto Siena deu posse aos novos educadores na segunda-feira (03). Educadores foram para três unidades do município. Um deles passou a dar aulas de Educação Física na Escola Rural Municipal Enes Barbosa | Foto: Comunicação/PMT

As cinco unidades próprias da rede municipal de ensino de Tamarana deram início ao ano letivo de 2020 nesta quarta-feira (05). E com novidades. Uma delas é a contratação de novos professores. O prefeito Beto Siena e a secretária de Educação, Cultura e Esportes do município, Maisa Nakata, deram posse a cinco profissionais na última segunda-feira (03). Eles foram aprovados no concurso público realizado em 2019 e somam-se aos cerca de 97 professores que já atuam na rede.

Três desses educadores foram para a Escola Rural Municipal Enes Barbosa (um deles, inclusive, é de Educação Física), uma teve como destino a Escola Municipal Professora Taeko Lima Almeida e a outra profissional passou a fazer parte da equipe de docentes do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Criança Esperança. Esta é a segunda nomeação de professores aprovados no certame do último ano. A primeira ocorreu em novembro de 2019.

Ônibus escolar no São Roque – Outra novidade do ano letivo é a implantação de uma linha escolar para atender os estudantes do Conjunto Residencial São Roque. A região era a única da área urbana pela qual o serviço não passava. Desde quarta-feira, o ônibus já tem transportado os alunos do município e do estado nos períodos matutino e vespertino.

O embarque e desembarque é feito exclusivamente nas paradas instaladas nas ruas Antonio Batista Lanza, Ilson Mariano, Adaílson Pereira Ramos e Oswaldo Mantovan. A reivindicação para que o transporte escolar passasse pelo São Roque foi formalizada à prefeitura através de indicação do vereador Tega Fabiano.

Alerta sobre dengue – Professores e demais servidores da Educação local ainda participaram de prática pedagógica na segunda-feira. Durante a ocasião, o grupo foi alertado pelo próprio prefeito Beto Siena e pelo diretor de Ação em Saúde do município, Leandro Feronato, sobre a grave situação de infestação de mosquitos da dengue em Tamarana. Os gestores pediram aos educadores que levem o importante recado para os 1.070 estudantes da rede municipal.

Conforme levantamento feito em janeiro pelo setor de Combate a Endemias, existem focos do Aedes aegypti em ao menos 11 de cada 100 imóveis da cidade. Além disso, confirmou-se nesta quinta-feira (06) mais um caso de dengue. Trata-se de um morador da região central. Ele se soma a mais três tamaranenses do Jardim Esperança que tiveram a doença confirmada nesta semana. Ainda há mais de 50 casos suspeitos que aguardam o resultado de exames da Secretaria da Saúde do Paraná.


Lucas Marcondes Araújo - Comunicação/PMT